terça-feira, 25 de abril de 2017

Sou apenas uma entre muitos, que vivem numa ditadura camuflada

Numa época de medo e de atentados. Numa época em que falar de direitos pode gerar medo de represálias, numa época em que o próprio jornalismo é guiado por interesses, devo falar do 25 de abril!
fonte
Eu, sou apenas uma, não estava cá quando aconteceu, não sei o que é a ditadura, mas sou apenas uma entre muitos. Sou uma pessoa que teme acordar um dia e descobrir que houve atentado à minha porta, temo expor os meus pontos de vista e direitos no meu trabalho com medo de ser despedida, e perdi oportunidades de emprego em jornalismo por querer dizer a verdade e não aquilo que era politicamente correto ou patrocinado.
Sou apenas uma entre muitos, que vivem numa ditadura camuflada. Talvez não seja tão dura e violenta, talvez não seja tão negra, mas existe à sombra da luz daqueles que conquistaram o nosso direito à liberdade.
Espero sinceramente que as pessoas não se lembrem do verdadeiro sentido da liberdade só por ser o dia que é hoje, mas que se lembrem todos os dias, só assim iremos erguer cravos vermelhos a cada dia que passa.

34 comentários:

  1. Tens razão linda, tu não viveste na ditadura desses tempos, mas sabes o que é e tás a viver agora, infelizmente há coisas em minha opinião que estão piores. Liberdade sim, mas nem tanta.
    Bjxxx

    ResponderEliminar
  2. Mais uma vez tenho de concordar com a Mena, este postleu os meus pensamentos, acredita, vivemos mesmo numa ditadura camuflada, o Salgueiro Maia onde estiver deve estar a dar voltas no tumulo... povo que nao sabe aproveitar um dos maiores bens que a vida nos da... Espero que tudo melhore, para bem do futuro dos nossos filhos.
    Bjinhosss e bom feriado*
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  3. Aqui está um excelente post para ler e pensar.
    Quarenta anos depois da Revolução, muita coisa há ainda para fazer. Não quero nem desejo o 'antigamente', mas revolta-me imenso a situação em que estão certas coisas e a continuação de outras tantas.
    Beijinho.
    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca desejarei voltar ao "antigamente", mas custa-me ver pessoas celebrar este dia sem darem conta da realidade à sua volta!

      Eliminar
  4. Adorei o teu post!

    Esta frase tudo diz!

    "Sou apenas uma entre muitos, que vivem numa ditadura camuflada."

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  5. Aproveito para desejar um bom feriado e que a liberdade esta sempre connosco.

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  6. Que bela publicação! Gostei muito do que li, Teresa! :)


    A Marca da Marta

    ResponderEliminar
  7. Infelizmente, a sensação que dá é que esta liberdade é cada vez mais condicionada!

    ResponderEliminar
  8. Infelizmente é assim, sobretudo no mercado de trabalho!

    ResponderEliminar
  9. O que você disse é a mais pura verdade. Por mais que estejamos em um país 'livre', muitas vezes expressar o seu ponto de vista pode acarretar coisas desagradáveis :/

    Conceito Aberto

    ResponderEliminar
  10. You have raised a very important topic of dictatorship and freedom. Thanks for sharing.

    ResponderEliminar
  11. Que lutemos sempre pela nossa liberdade e que nunca esqueçamos que alguém lutou pela nossa. Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  12. Lindo. Altamente! Adorei cada palavra.
    Kis :=}

    ResponderEliminar
  13. Sua postagem é maravilhosa, obrigado pela visita.
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  14. Infelizmente sinto exactamente o mesmo que tu, a liberdade é só para alguns ...
    Guloso qb

    ResponderEliminar
  15. É uma realidade, infelizmente :(
    Espero que tenhas tido um excelente feriado.
    Beijinhos, The Fancy Cats

    ResponderEliminar
  16. Um belíssimo texto... repleto de verdades!
    Tens toda a razão!
    Bjs

    ResponderEliminar