Avançar para o conteúdo principal

Tão simples quanto isto

Enquanto a sociedade não perceber a diferença entre estas duas coisas, muitas pessoas vão andar em conflito e muitas cabeças vão bater nas paredes.

E vocês são capazes de "gostar" de uma pessoa só para ser bem visto socialmente?"

Comentários

  1. Sinceramente não consigo gostar de alguém assim...

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  2. Obrigado eu :D

    Bem verdade!!

    NEW PERSONAL POST | How I ORGANIZE My Life: Weekly and Monthly Version.
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  3. Acredita, minha linda, com a idade ficamos cada vez assim ;) Haja alguem que me compreenda ;)
    Bjinhosss e bom fim de semana*
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  4. No mundo do trabalho, às vezes é necessário (até obrigatório) lidar com pessoas de quem não se gosta nem um bocadinho.
    Fora disso, nem pensar. Há tanta gente boa de quem vale a pena gostar...
    Teresa Isabel, tem um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  5. É muito complicado, ainda mais quando temos que lidar com determinada pessoa desagradável todos os dias. O jeito é aturar respeitosamente...

    http://entremundosliterarios.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  6. Eu não gosto e não consigo porque para mim isso é ser falso e eu odeio falsidades, mas conheço muitas pessoas que são assim.

    Conceito Aberto

    ResponderEliminar
  7. Eu não gosto e não consigo porque para mim isso é ser falso e eu odeio falsidades, mas conheço muitas pessoas que são assim.

    Conceito Aberto

    ResponderEliminar
  8. Não mesmo... como aliás podes verificar num dos meus últimos posts...
    Isso de não ficar bem visto... não me afecta mesmo... desde que eu esteja em paz comigo mesma...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

TAG| 100 perguntas que ninguém pergunta

Sabendo como eu gosto de responder a TAGs a Matilde do blog "O Cantinho da Tily", nomeou-me para este desafio bem simples e divertido. As regras são simples, responder às 100 perguntas, e nomear quem quisermos. Vamos a isso? 1. Você dorme com as portas do seu armário aberta ou fechada? Prefiro fechada por uma questão de organização, mas não me faz diferença. 2. Você leva embora os shampoos e condicionadores dos hotéis? Sim!!! 3. Você dorme com seu edredão dobrado para dentro ou apra fora? Tanto faz! 4. Você já roubou uma placa de rua? não, mas confesso que gostava de ter uma! 5. Você gosta de usar post-it? Adoro! 6. Você corta cupões, mas depois nunca usa? Sim! 7. Você prefere ser atacado por um urso ou um enxame de abelhas? Venha o diabo e escolha! 8. Você tem sardas? Nop. 9. Você sempre sorri para fotos? Quase sempre! 10. Qual é a sua maior neura? Ui se as coisas não levarem o rumo que eu quero fico do pior! 11. Você já contou seus passos enquanto você andava? Sim. 12. Você já fez x…

A menina bonita

Decerto que lhe conhecem a imagem, a menina de nove anos, chama-se Kristina Pimenova, e é já considerada uma das raparigas mais belas dos últimos tempos.
A criança, é modelo para marcas como Armani, Vougue e Dolce & Gabanna, e desde os 3 anos que assina contratos milionários. Kristina Pimenova, nasceu em Moscovo, e está inscrita em agências de modelos desde tenra idade. Quem patrocinou tudo isto?! A sua mãe, Glikeriya Pimenova, também uma ex-modelo, tem levado a filha à ascensão, porém, tem também sido criticada por isso. Além de muita gente a criticar por não permitir que Kristina tenha a vida de uma criança normal, a mãe da mesma é ainda mais criticada por ter permitido que recentemente a filha pousasse maquilhada e vestida de forma pouco própria para a sua idade. Glikeriya Pimenova, gere os contratos milionários da filha, bem como as redes sociais da mesma que já tem mais de 300 mil seguidores. Porém não é o numero de seguidores que vai determinar a infância que muitos dizem p…

As férias acabaram... Como é que ficaram os animais abandonados?

Existe uma dura realidade que após as férias de verão fica esquecida. Se no inicio do verão as campanhas de sensibilização são muitas (e mesmo assim não são suficientes), a verdade é que depois dos dias dourados de verão, já ninguém pergunta o que aconteceu ao cão idoso que abandonaram às portas de uma instituição, ou então como está aquele cachorrinho que deixaram na beira da estrada.
A minha pergunta para vocês é: Afinal o abandono está a diminuir?
E infelizmente a resposta é não! No final do verão contactei várias instituições que recolhem animais e as respostas são sempre iguais: Não! Não diminuiu.
Para vos ilustrar esta realidade, pedi a várias instituições dados sobre o abandono de animais durante os meses de verão, porém só a Associação Midas no Porto é que se ofereceu para disponibilizar dados concretos:

2015 - 53 animais acolhidos pela instituição.
2016 - 107 animais acolhidos pela instituição. 
2017 - 71 animais acolhidos pela instituição.

Porém antes de começarem a bater palma…