Avançar para o conteúdo principal

"A Gaja é uma versão hiperbolizada de mim."

Quem anda pelo facebook provavelmente já se cruzou com uma publicação d' "A Gaja". O toque sarcástico, o humor, e a visão da realidade "dura e cura", são as maiores característica desta gaja que é como muitas outras.
Hoje, e porque ela é uma gaja muito fixe, vamos ter a oportunidade de conhecer melhor a Raquel Costa, a autora desta página no facebook com 77m seguidores.

1. Antes de mais, cá vai a pergunta da praxe: Quem é a Gaja?
Créditos da Fotografia: Pau Storch
A Gaja é uma versão hiperbolizada de mim. É uma mulher adulta (espero eu) que vive em permanente conflito entre o que deve ser, as aparências, e o que quer ser. É nesse conflito, nessa dualidade entre o que é a ideia de ser mulher e o que é realmente ser mulher que surge esta personagem.

2. Como é que surgiu a ideia de criar a página “A Gaja”?
O nome “A Gaja” esteve a marinar uns dois anos até eu ter tido a coragem de avançar com a página. Queria criar um espaço onde pudesse partilhar os meus textos sobre amor, relações, sexo… mas não queria criar um blogue. Não me parecia uma ideia prática até porque o meu tempo para me dedicar a este part time sempre foi escasso. Em fevereiro de 2014 fiz a primeira sessão fotográfica e o primeiro post. Quase quatro anos volvidos… cá estamos!

“A Gaja” é uma personagem fictícia, mas a realidade é que ela é o espelho ou então aquilo que muitas mulheres querem ser.

Créditos da Fotografia: Pau Storch
3. Na tua opinião, o que é que distingue “A Gaja” das outras mulheres?
Não acho que A Gaja seja muito diferente da maioria das mulheres. A diferença está na ausência de medo de expor os meus pensamentos, as minhas emoções, os meus medos. Eu entendo que a maior parte das mulheres não se queira expor desta forma ou que não tenha interesse em ter opinião formada sobre temas polémicos. Há quem escolha viver dessa forma e não há problema nenhum nisso. Eu não sou assim. E sei que, mesmo que não o digam, há muitas mulheres que gostavam de ser mais A Gaja.

"A Gaja" fala muitas vezes do sucesso e do insucesso das relações, é um tema que é falado com alguma frequência e com muito sentido de humor.

4. Para ti quais são os 5 erros mais comuns para se “matar” uma relação nos dias que correm?
Falta de diálogo, desconfiança, egoísmo, tabu em torno do dinheiro e falta de apoio são os maiores carrascos das relações. Uma coisa que eu digo sempre: a pessoa com quem estamos tem de nos inspirar. Temos de querer torcer por ela, fazer parte da equipa dela, admirá-la, ser fã dela. Só assim vale a pena. Porque… quando a paixão esmorece… o que é que resta senão isso?

5. Uma vez disseste na tua página que desde que começaste a falar abertamente sobre sexo, muitos homens te contactaram… Qual foi a história/abordagem mais engraçada que tiveste?
Acho que a história mais gira aconteceu através do Instagram. Um miúdo de 20 anos, que me ouviu no podcast Homemsexual, disse que queria fazer sexo comigo. Mas a abordagem foi muito educada e respeitosa. Tal como a maioria é. Os comentários desagradáveis acontecem na timeline. E acontecem todos os dias. Faz parte.

Créditos da Fotografia: Pau Storch
6. Já te aconteceu ires a um encontro, e a pessoa com quem estás não saber que eras “A Gaja”? Se sim, o que é que mudou quando descobriram?
Hmm… foram raros os homens com quem tive encontros que já não sabiam a priori quem eu era. Ou porque eu lhes disse ou porque já conheciam a página. Há uns que não ligam nenhuma mas já aconteceu um ou outro ficar com a ideia de que eu era uma super-devoradora de homens ou uma figura pública com uma vida super fascinante. Que não sou. Nenhuma das coisas. Na realidade, a minha vida é uma seca.

7. O que podemos esperar d’ “A Gaja” em 2018?
Como detesto falar “em projetos”, prefiro só falar das coisas quando estiverem garantidas, para não agoirar. Para já, a continuidade do podcast Podcasto!

Comentários

  1. Não conhecia "A Gaja", tenho que ir ver! Excelente entrevista :)

    MRS. MARGOT

    ResponderEliminar
  2. Não conhecia. Mas gostei. Parabéns

    Beijos. Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  3. Não conhecia, mas achei a entrevista muito interessante
    Abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  4. Adoro a "Gaja" e gosto muito quando tu fazes entrevistas, Teresa :)
    Bjinhosss
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  5. Gostei imenso de conhecer A Gaja! Excelente entrevista :)

    ResponderEliminar
  6. Que legal! Não conhecia e adorei conhecer
    Um ótimo final de semana
    Bjus
    Taty
    Na Casa dos Abrantes
    Canal
    Instagram

    ResponderEliminar
  7. AInda não vi essa pagina, linda. Tenho que ir cuscar :)
    Bjxxxx

    ResponderEliminar
  8. Não conhecia mas parece mesmo uma comédia.

    ResponderEliminar
  9. Obrigado :D

    Não conheço mas vou já tratar do assunto. Adorei a entrevista!

    NEW TIPS POST | OMG!!! TRICKS TO GET THE PERFECT EYEBROWS.
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  10. Gostei imenso da entrevista! :D

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. Uma postagem que adorei.

    Bjos
    Sábado feliz.

    ResponderEliminar
  12. Eu conheço a Gaja menina..... é você... linda, bela, deliciosamente bela...
    Não faço mais elogios pois você pode não gostar do que vou te dizer.... mas se você quiser, digo-te por e-mail!!!

    ResponderEliminar
  13. Gostei de conhecer a gaja e de ler a entrevista! :) Beijinhos

    ResponderEliminar
  14. Imagino que a "GAJA" seja mesmo uma gaja boa, doce e maravilhosa. Lá vou eu então conhecer a "Gaja".

    Beijo

    ResponderEliminar
  15. Não conhecia mas achei interessante a entrevista, vou espreitar a página :)

    ResponderEliminar
  16. Bom dia Teresa.
    Estou com a tag que me nomeaste lá no blog...
    Não conhecia essa gaja tenho de ir ver..
    Xoxo

    marisascloset.blogspot.com

    ResponderEliminar
  17. Gracias, por este compartir, la sencillez y la belleza interior es l único importante, lo demás se da por añadidura,La belleza del rostro es frágil, es una flor pasajera, pero la belleza del alma es firme y segura. Un fuerte abrazo.

    ResponderEliminar
  18. Não conhecia. Gostei da entrevista.
    Bom domingo.

    ResponderEliminar
  19. Não conhecia a página!
    https://retromaggie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  20. Não a conhecia, mas gostei da entrevista!
    Vou fuçar na página dela!

    Beijo.
    Cores do Vício

    ResponderEliminar
  21. Adorei! Parabéns!
    http://www.nossomosmoda.com/

    ResponderEliminar
  22. Adorei conhecê-la por aqui... confesso que por enquanto, ainda não arranjei tempo nem disposição para redes sociais!...
    Gostei imenso da entrevista! Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

As férias acabaram... Como é que ficaram os animais abandonados?

Existe uma dura realidade que após as férias de verão fica esquecida. Se no inicio do verão as campanhas de sensibilização são muitas (e mesmo assim não são suficientes), a verdade é que depois dos dias dourados de verão, já ninguém pergunta o que aconteceu ao cão idoso que abandonaram às portas de uma instituição, ou então como está aquele cachorrinho que deixaram na beira da estrada.
A minha pergunta para vocês é: Afinal o abandono está a diminuir?
E infelizmente a resposta é não! No final do verão contactei várias instituições que recolhem animais e as respostas são sempre iguais: Não! Não diminuiu.
Para vos ilustrar esta realidade, pedi a várias instituições dados sobre o abandono de animais durante os meses de verão, porém só a Associação Midas no Porto é que se ofereceu para disponibilizar dados concretos:

2015 - 53 animais acolhidos pela instituição.
2016 - 107 animais acolhidos pela instituição. 
2017 - 71 animais acolhidos pela instituição.

Porém antes de começarem a bater palma…

A menina bonita

Decerto que lhe conhecem a imagem, a menina de nove anos, chama-se Kristina Pimenova, e é já considerada uma das raparigas mais belas dos últimos tempos.
A criança, é modelo para marcas como Armani, Vougue e Dolce & Gabanna, e desde os 3 anos que assina contratos milionários. Kristina Pimenova, nasceu em Moscovo, e está inscrita em agências de modelos desde tenra idade. Quem patrocinou tudo isto?! A sua mãe, Glikeriya Pimenova, também uma ex-modelo, tem levado a filha à ascensão, porém, tem também sido criticada por isso. Além de muita gente a criticar por não permitir que Kristina tenha a vida de uma criança normal, a mãe da mesma é ainda mais criticada por ter permitido que recentemente a filha pousasse maquilhada e vestida de forma pouco própria para a sua idade. Glikeriya Pimenova, gere os contratos milionários da filha, bem como as redes sociais da mesma que já tem mais de 300 mil seguidores. Porém não é o numero de seguidores que vai determinar a infância que muitos dizem p…

TAG| 100 perguntas que ninguém pergunta

Sabendo como eu gosto de responder a TAGs a Matilde do blog "O Cantinho da Tily", nomeou-me para este desafio bem simples e divertido.
As regras são simples, responder às 100 perguntas, e nomear quem quisermos. Vamos a isso? 1. Você dorme com as portas do seu armário aberta ou fechada? Prefiro fechada por uma questão de organização, mas não me faz diferença. 2. Você leva embora os shampoos e condicionadores dos hotéis? Sim!!! 3. Você dorme com seu edredão dobrado para dentro ou apra fora? Tanto faz! 4. Você já roubou uma placa de rua? não, mas confesso que gostava de ter uma! 5. Você gosta de usar post-it? Adoro! 6. Você corta cupões, mas depois nunca usa? Sim! 7. Você prefere ser atacado por um urso ou um enxame de abelhas? Venha o diabo e escolha! 8. Você tem sardas? Nop. 9. Você sempre sorri para fotos? Quase sempre! 10. Qual é a sua maior neura? Ui se as coisas não levarem o rumo que eu quero fico do pior! 11. Você já contou seus passos enquanto você andava? Sim. 12. Você já fez x…