sexta-feira, 20 de maio de 2016

Desabafo #02

Caro Papa Francisco,

Estava ainda a chorar a morte do meu melhor amigo quando li um cabeçalho que dizia "Papa critica quem gosta de animais, mas ignora o vizinho", fiquei vazia pois o meu melhor amigo era um cão que merecia e sentia tudo aquilo que a maioria dos humanos é incapaz de sentir.
Nunca amarei nenhum ser humano como amei o meu melhor amigo. E garanto que nenhum humano me vai amar como ele me amou porque o verdadeiro amor não é imposto, não é falado, nem contestado, simplesmente existe.
Nunca vou olhar para o meu vizinho e sentir a compaixão que o Papa quer que eu sinta. A razão é simples, depois de chorar a mais dolorosa morte que enfrentei em toda a minha vida vi que nenhum humano é tão nobre de sentimentos como um animal pode ser. Sem esquemas sem filtros... Se o céu existe deve ser para estes seres e não para as pessoas de falsas compaixões.

Nesse dia eu precisava de acreditar em algo maior para saber que o Fredy estava num lugar melhor, mas depois deste artigo percebi que até a maior santidade se rege pelo socialmente correto e não pela verdade universal.

23 comentários:

  1. Força querida! Percebo perfeitamente o que sentes!
    beijinhos
    https://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Gostei muito das tuas palavras, de �� eu cada Vez mais me identifico com isto, aquela velha frase tipicamente britanico, the more people I meet the more I love my dog faz cada Vez mais sentido! Tamos juntas, querida ������������
    Muita Força! Bjinhos e boa sexta ����
    https://matildeferreira.co.uk

    ResponderEliminar
  3. Os animais não têm malicia... eu acho que o Papa queria dizer vizinho, como quem diz familiar próximo, não sei...
    Beijihos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh pah também não sei mas a verdade seja dita prefiro os meus animais a muitos familiares...

      Eliminar
  4. Concordo contigo. E sei o que é essa dor de perder um animal. Eu não desprezo animal algum, mas dispenso bem algumas pessoas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Concordo contigo. E sei o que é essa dor de perder um animal. Eu não desprezo animal algum, mas dispenso bem algumas pessoas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Muito obrigada pela visita volta sempre adorei
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia
    Facebook
    Convido-te a participar no Sorteio do cantinho =)
    Novo Sorteio ( Portugal & Ilhas )
    Tem post novo

    ResponderEliminar
  7. Devemos gostar das pessoas e também dos animais.
    Uma coisa não tira a outra. Mas confesso que de algumas pessoas eu não gosto mesmo...
    Teresa Isabel, gostei do teu blog, que não conhecia. Já te sigo, para não te perder.
    Bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que não o que não invalida que os animais sejam mais puros que as pessoas.

      Eliminar
  8. Devemos gosta de todos e do animal eles também tem
    sentimentos, tenha uma semana abençoada.
    Blog:http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  9. Realmente os animais estão lá quando precisamos simplesmente de uma companhia, de um olhar, ao contrário de muitas pessoas que se esquecem da nossa existência quando mais precisamos delas. Força Teresa, eu sei o que isso é (mais ao menos porque no meu caso ele desapareceu e fiquei sempre com a incerteza do fim que levou e com a esperança que alguma família o acolhesse). Agora a lembrança é de dor mas com o passar dos anos pasas a ser uma alegre recordação, principalmente dos momentos felizes que passaram :)
    Beijinhos ...
    Guloso qb

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredito que tenha sido muito complicado, espero mesmo que com o tempo a dor e o vazio passem...

      Eliminar
  10. Infelizmente nunca senti esse amor (nunca tive um animal de estimação), mas compreendo o que dizes, o amor dos animais é do mais sincero que há! Muita força Teresa! Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  11. Lamento imenso, Teresa!
    Há animais, que são bem melhores que muitas pessoas, sim!...
    Compreendo o que estejas a sentir!...
    Beijinhos! E força!...
    Ana

    ResponderEliminar
  12. Não imaginas como essa afirmação me decepcionou...principalmente porque veio de uma pessoa que conseguiu que eu voltasse a ter alguma vontade em olhar para a parte religiosa...alguem que me cativou pela sua maneira, pela sua forma de abordar os assuntos, pela sua pessoa. E com esta não esperava eu! Que desilusão!!!
    Vejo ao meu redor precisamente o contrário! Debato-me diariamente com isso...pessoas que ignoram e desprezam o sofrimento e necessidades BÁSICAS do bem estar animal e virem-me falar de olhar mais para o "vizinho" do que para os animais??? Puxa!!!
    Ajudar é ajudar! Eu também não critico quem SÓ ajuda pessoas! Ajudam ponto! (desde que não façam mal aos animais, cada um ajuda quem quer e pode)!!! E sem dúvida que quem ajuda animais mais depressa estende a mão a quem precisa do que o contrário!!!
    Estou indignada, incomodada e verdadeiramente decepcionada!
    Beijinhos
    elisaumarapariganormal.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  13. Querida, a igreja não é para mim por vários motivos,e este é um deles. Respeito a fé de cada um e não julgo suas crenças, mas a igreja como instituição, seja ela qual for, para mim vale zero. Não há pessoas puras e honestas, ok há, mas são uma minoria tão pequena que passa despercebida. A igreja manipula a mente dos crentes, eles adoram um papa quando deviam adorar apenas a Deus, eu sou crente em Deus, mas em nada mais. Na minha vida não há espaço para santos e virgens e jesus. mas da mesma forma q respeito os outros, só peço que me respeitem a mim. A religião enquanto instituição nunca me domará, porque é disto que eu vejo, olha o que andaram a fazer em Fátima, há uma petição online para acabar com o massacre aos cães que andam por Fátima e muitos deles têm donos. De que adianta respeitar os seres humanos como "filhos de Deus", se não respeitamos todas as outras suas criações?
    As pessoas são insensíveis, sabem lá o que é um olhar de um animal que vive para nós! Que sabe quando precisas de uma lambidela ou (no meu caso) um ronron, que sente que estás mal e vai para perto de ti quando os humanos fazem o contrário? E dizem que os animais não falam? Pois não têm voz, mas a voz que vem do olhar deles e dos bigodes ou língua pendurada falam mais alto que qualquer latido ou miado...
    Estou triste por ele dizer tal coisa mas nem mesmo ele podia ser perfeito, vive ali no seu canto rodeado por outros tantos que estão a seu lado, pois se estivesse cá fora e levasse com as más educações e com as facadas nas costas, acredita que aí ele diria o contrário...
    Somos todos animais, e dizem que o ser humano é racional, quando é o ser mais selvagem de todos devido às atrocidades que pratica no meio ambiente!
    Enfim estes assuntos revoltam-me, já tive imensos animais e já perdi outros tantos, dói horrores, mas a nossa vida continua e honro suas vidas ajudando e tirando outros animais das ruas!

    Beijinhos!
    Pat
    Visita, já revelamos o sexo da criança :) http://patsorangeblossom.blogspot.pt/

    ResponderEliminar